logo whatsapp

Drinks alcooólicos para Casamento – Pensando no Whiskey



Nada mais inspirador do que falar de um clássico da coqueteleira que remonta desde antes da Lei Seca Americana, com o precursor Jerry Thomas. Em seu livro, esse drink chamava-se “Whisky Cocktail” e era reproduzido com Rye whiskey (típico Whiskey Canadense), criando um sabor apimentado e potente. Talvez usado em drinks para casamentos da época, rs.

De uma história estabelecida que nunca morreu no tempo, este coquetel ganhou versatilidade pelos mais diversos bares do mundo. Ao entrar como um drink para casamento, este coquetel pode encontrar certos empecilhos. Mas hoje, ele pode exprimir-se de diversas maneiras, nunca deixando para trás suas principais características: um copo Old ou Rocks, um belo cubo de gelo, bitters (aromáticos) e seu toque adocicado.

Uma curiosidade sobre este coquetel charmoso e suas variações, perfeitos como drinks para casamento, é que durante a Lei Seca, habitou-se a macerar as guarnições que ele possui, para que a baixa qualidade dos Whiskeys produzidos à época, fosse disfarçada. Portanto, se observar alguém “esmagar” literalmente uma fatia de laranja ou cereja nos drinks do casamento, já sabe o motivo: a péssima qualidade do profissiona, ou a péssima qualidade da bebida.

Whiskey ou Whisky – Qual a diferença?!

O emprego da palavra Whisky, geralmente é usada para referenciar os Whiskys produzidos de cevada, usados como termo genérico  identificando os produtos escoceses. Mas o uso da palavra Whiskey, está focada nos produtos feitos com outros cereais e geralmente define o Whiskey americano, irlandês ou outros. Porém, o emprego desta grafia na diferenciação dos rótulos, não é comum. Mas o uso da bebida adequada nos seus drinks para casamento, irá fazer a diferença certamente!

Sobre Drink Old Fashioned

Um Old Fashioned e suas variações, para entrarem como drinks para casamento, só serão “Old Fashioneds”, se sua diluição for o suficiente para que a bebida alcance a temperatura e mescla de sabores que este coquetel possui. Mas também não seria nada legal isso se transformar numa bebida aguada, sem corpo no sabor. Por isso não é um drink de casamento tão simples de se reproduzir e deve ser feito adicionando gelo aos poucos. De preferência no próprio copo ou Mixing Glass.

Old Fashioneds, como drinks para casamento, podem ser feitos com diversas bases alcóolicas: Tequila, Conhaques, Whiskys Escoceses, Americanos, Canadenses e até RUM (que particularmente, é uma das versões dessa maravilha que mais gosto!). Nunca porém, servidos fora de um copo, que leva praticamente o mesmo nome. Há uma confusão absoluta sobre o nome do copo (old fashion) levar o nome deste drink para casamento e vice-versa, assim como ninguém consegue dizer o que veio primeiro, se o ovo ou a galinha, rs.

Em uma festa, este drink para casamento pode ser servido como um bom aperitivo, em um bar pode ser apreciado como praticamente um relaxante para solitários, em uma roda de amigos, pode ser uma boa pedida. E temos aí, um drink indiscutivelmente presente! Em 2017 na lista dos 20 coquetéis mais populares do Brasil, segundo meios especializados. Hoje, em 2018 (dados disponíveis até o momento), outros coquetéis à base de Whisky, tomaram a frente. Os drinks para casamento irão surpreender daqui em diante.

Portanto, na hora de contratar o bar para o seu casamento, procure uma empresa como o Birittas, que têm o melhor deste mundo incrível para lhe oferecer!

 

Falando de Drinks sem Álcool para casamento – Entrevista Éric Müller

-Hoje, é comum que os noivos procurem por opções de drinks sem álcool? Por quê?

Sim, é bem comum, mesmo não sendo a principal solicitação das empresas. Os motivos variam por questões religiosas, outros por parte do público convidado ser composto de pessoas mais idosas e menores de idade.

-Qual a importância de ter pelo menos um drink sem álcool no cardápio?

Atender esse público de forma a proporcionar a interação deles com o bar do evento, não isolando-os por suas preferências. Nos casos em que a questão é religiosa, os “mocktails” são o principal drink do evento, tendo a empresa, que ser atenta para não replicar ou criar receitas “insossas”.

-Quem procura esse tipo de drink durante os casamentos, qual é o público-alvo?

Tanto homens como mulheres, sem distinção. E como dito acima, as crianças, que ficam fissuradas com opções coloridas e criativas.

-Geralmente, o que é mais usado para substituir o álcool?

Algumas bases, como sorvete, xaropes que substituem os licores e sucos. Refrigerantes também podem ser uma opção ou Água Gaseificada.

-Quais os três drinks sem álcool que mais fazem sucesso entre noivos e convidados? Se puder enviar a receita de cada um, seria ótimo.

No Birittas, os drinks de maior apelo são as Sodas Italianas (práticas de se fazer), Puffo Ice e Tiramissu Ice. Estes drinks podem fazer parte do cardápio de seu casamento, obtidos através de um orçamento com o Birittas que dará a assistência necessária para informar se esse é o  drink para casamento, mais adequado.

Soda Italiana:

Escolha um Copo Alto e Longo para seu drink.

Complete com Gelo até dois dedos da borda.
Coloque 50 ml de Xarope (sabor de sua preferência). Opte pelos sabores mais frutados.

E complete com Água Gaseificada. Misture para que o xarope possa homogeneizar com o restante da bebida.

Sirva ele com um canudo biodegradável. A empresa Sorbos, está com opções variadas no mercado de canudos com sabores e comestíveis.

-É possível transformar drinks clássicos, como Old Fashioned, Mojito e Caipirinha, em versões sem álcool? Se sim, como?

Não aconselho! Alguns são possíveis como o Mojito (temos a versão Passion Mojito), mas outros tipos de drinks ficam sem graça. Hoje em dia com a variedade de ingredientes, há opções melhores e adequadas para cada ocasião.

-O que vocês fazem para transformar um drink sem álcool mais atraente para os convidados? Que artfícios usam?

Uma variedade de ingredientes e apresentações. Para as crianças, a “embalagem” do drink às vezes é o principal atrativo no lugar do conteúdo, mas isso é importante para se ter cuidado, pois o sabor deve ser a contento, não menos que isso!

-Caso os noivos não tenham colocado uma opção sem álcool no bar, é possível improvisar e atender aos pedidos? Se sim, como?

A questão do atendimento de drinks sem álcool, é a complexidade de execução. Pois alcóolicos e “mocktails”, são drinks de ingredientes e execuções diferentes. Isso dificulta o trabalho do bar às vezes. O ideal para o bar misto, seriam poucas opções (duas no máximo). Por vezes, atender a pedidos assim, depende de que ingredientes o bartender têm disponível. Se tiver as bases citadas acima, é plenamente factível.


-As opções de drinks sem álcool mudam de acordo com o estilo de casamento: campo, praia, cidade? Por quê?

Mudam porque cada local têm sua temperatura: no campo é mais fresco, na praia mais quente e úmido, na cidade mais abafado. E a época do ano também pode ser decisiva na escolha do cardápio.

-Muito além dos drinks, o que os noivos podem servir que não leva álcool para agradar os convidados?

O Birittas hoje trabalha com refrigerantes importados de diversos sabores, Abacaxi, Melancia, Morango, Blueberry, isso por si só, já é um diferencial, mas há o bar de “boas vindas”, que pode ser uma recepção com águas saborizadas para “refrescar” a ansiedade do momento.

“Entrevista de Éric Müller, sócio-proprietário do Birittas, concedida a agência “Entre Aspas” para conteúdo de matéria”.

Deseja fazer um orçamento?

Preencha o formulario a baixo que logo entraremos em contato

Leve o melhor para sua festa com a Birittas

Notícias

Ver todos seta para direita
seta esquerda seta direita